sábado, 24 de dezembro de 2011

Poema de amor ao próximo
















...Podemos olhar pela janela

Podemos ver o sol
Podemos sorrir, alimentar os beija-flores
Temos a certeza de que os dias virão
O sol, para quem é de sol
a chuva, para que é de chuva
a neve, para que é de deve
a seca, para que em de seca
A tempestade... A calmaria...
Fazer o bem!
Mas o que é o bem?
Deve ser o amor em versão easy
Leve como o próprio amor deveria ser
Amar o próximo
Não como a si mesmo
E sim mais do que a si mesmo
Perdoar
Ponderar
Reivindicar
Construir
Reconstruir
Compor uma canção a 14 Bilhões de mãos e almas esperançosas
O mundo poderia ser bem mais habitável
A fome seria uma realidade do passado
Não seriamos bastardos
De uma dor, de uma natureza insana
Nem filhos da guerra
Talvez nem mesmos da paz
Seríamos filhos de nós mesmos
A utopia é um barco à vela
No meio do oceano
Sem rota
Sem vento
Sem rosa dos ventos
E o céu seria uma visão possível e transcendente
Sobreviver ao fardo de existir seria viável.
Sejamos menos tristes por mais tempo



*O Arte Vital deseja um Feliz Natal e um 2012 com menos desamor e desumanidade aos seus leitores e amigos. Que o espirito verdadeiro do Natal esteja com todos vocês.


Antonio Siqueira

7 comentários:

Sandra Britto disse...

Santo Agostinho disse que: A esperança tem duas filhas lindas, a raiva e a coragem. Raiva do estado das coisas e coragem para mudá-lo.
A descoberta mais importante no campo do desenvolvimento humano é que, não é necessário sentir para agir.Pois, o comportamento muda o sentimento, o sentimento muda o pensamento. Ouse fazer e o poder lhe será dado, a intenção sem ação é ilusão. Sintam-se felizes em 2012, será uma grande experiência.

mariza disse...

por mais tempo sempre, meu amigo.
muitas alegrias pra você e aqueles que partilham de seu amor.
um grande beijo
desta Marizoca, a amiga de sempre.

Márcia Cristina disse...

Belíssimas palavras...meu poeta!!

Amor...Paz...

Esse Natal foi ESPECIAL demais...
Obrigada...Toninho!!!

Beijo...beijoo...beijooo...

Da sua eterna admiradora...

Márcia Cristina

Márcia Cristina disse...

("Fix You" é linda demais...e essa versão do Gregorian...ficou divina!! <3 )

Anônimo disse...

FELIZ ANO NOVO, MEU AMIGO!

Eloy

Anônimo disse...

coisa linda demais, Arte Vital! Vida longa a este blog!

Martha Sandroni

lizandra disse...

amo poemas as vezes tento escrever mas nem sempre consigo
assina;lisandra

Postar um comentário

Diga-me algo